jueves, 5 de marzo de 2015

odeio

odeio gente
que se entrega
e depois
se nega

odeio gente que seduz
e depois
ofusca a minha luz

chega desse flerte barato
desalmado.

o que eu quero
é ser amado.

No hay comentarios:

Publicar un comentario