viernes, 14 de agosto de 2015

eu preciso reagir
eu preciso agir
eu preciso ir
eu preciso.

é imprecioso viver
mas preciso
com certa imprecisão
estar
e parir
esta que já sou
enterrar aquela que já fui
pois não quero morrer.
ninguém quer morrer.
quem quer morrer
teme muito mais a vida
porque não existe nada mais assustador
do que estar vivo.
há vida.
entretantos
desencontros
a vida me procura
me acha escondida nos cantos
a vida me procura
e quando me acha
me pega pela cintura
me reinaugura
e me faz mulher.

No hay comentarios:

Publicar un comentario